4 dicas para superar o passado

0
68

Você costuma ficar remoendo tudo o que aconteceu no seu passado? Isso pode acabar despertando sensações de ansiedade, culpa, frustração, tristeza e outras emoções negativas que interferem no nosso bem-estar. Pensando nisso, separamos algumas dicas para superar o passado e ter uma vida mais Wellness.

Mesmo que a dor seja intrínseca à existência humana, se ficamos estacionados pensando sobre o que “deveria ter sido”, acabamos desenvolvendo um ciclo vicioso de reviver sentimentos e memórias que não nos servem mais. O resultado? Perdemos o único momento que realmente importa: o presente. 

Ficar presa ao passado afeta a produtividade e o uso do tempo, além da nossa saúde, por meio de uma maior liberação do hormônio cortisol, o que contribui para mais estresse e uma série de outros problemas, como o enfraquecimento do nosso sistema imunológico e a redução da libido.

A boa notícia é que abrir mão e seguir em frente também pode ser uma decisão consciente. Confira nossas dicas para não superar o passado:

1. Quebre o piloto automático

O único momento em que a gente pode ser feliz e estar em paz de verdade é no presente. Ao pensarmos no futuro ou no passado, estamos vivendo apenas na nossa mente, mas lembre que nada acontece lá. Portanto, tente estar presente no momento, sem abrir brechas para se levar por esses pensamentos, a não ser que esteja pensando em coisas positivas do passado. 

No caminho ao trabalho, por exemplo, em vez de ficar pensando nas dificuldades do dia ou em problemas pelos quais já passou, prefira contemplar a paisagem, observar as pessoas, apreciar os detalhes ao seu redor ou pensar no que de bom fará quando chegar à sua casa.

2. Esteja atenta à sua respiração 

A respiração é a chave que nos conecta ao momento presente. A respiração consciente ajuda a reduzir níveis de estresse, aliviar dores crônicas, amenizar os efeitos da síndrome do pânico, entre outros benefícios. Não é à toa que respirar corretamente é tão importante para atividades relaxantes, como meditação. 

Uma ótima dica é prestar mais atenção à respiração, tentando respirar mais lentamente e com pequenas pausas entre a inspiração e a expiração. 

3. Permita-se perdoar

O perdão é essencial para permitir superar sentimentos negativos que te prendam ao passado, como raiva, culpa, vergonha, tristeza ou rancor. Isso vale tanto em relação a outras pessoas quanto a si mesma.

Nem sempre podemos esperar que outra pessoa peça desculpas e compense algo que fez de mal a você, mesmo sem ter a intenção. Por isso, você precisa aprender a lidar com esses sentimentos sem que eles continuem te deixando mal, e o perdão é um fator fundamental para isso.

4. Procure ajuda

Não precisamos viver nossos traumas sozinhos. Tentar se isolar com suas dores é apenas uma forma de autossabotagem e de continuar no ciclo vicioso de sofrimento. Portanto, esteja rodeada de pessoas que te fazem bem. Sejam amigos ou parentes, priorize o contato com quem te ajude a superar o passado de maneira positiva.

Às vezes, é realmente difícil implementar essas dicas de forma solitária. Lembre que você não está sozinha e que existem pessoas capacitadas para te ajudar a atravessar essas experiências dolorosas. Profissionais como psicólogos podem te ajudar a se livrar das mágoas do passado. É preciso assumir o controle da situação e isso pode levar tempo e prática. Por isso, seja paciente consigo mesma.

Cuidar das nossas emoções é uma questão de saúde e também um exercício essencial para um estilo de vida Wellness. Siga nossas dicas para garantir seu bem-estar.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here