Como o Tai Chi Chuan pode ser benéfico para cardíacos

0
65

A prática de exercícios físicos é fundamental para alcançarmos a longevidade. No caso de pessoas com problemas cardíacos, esse tipo de atividade é ainda mais essencial. Ao colocar o corpo em movimento, o sangue passa a fluir melhor e o coração trabalha com mais eficiência. Uma alternativa que apresenta benefícios variados é o Tai Chi Chuan.

O que é o Tai Chi Chuan? 

Famoso por ser uma forma de meditar em movimento, o Tai Chi Chuan é uma prática milenar originada na China a partir da arte marcial. A atividade baseia-se em uma série de movimentos meditativos lentamente executados, que promovem uma maior concentração e percepção da respiração, mente e corpo.  

“Tai” significa “supremo”, “Chi” representa “a parte mais alta do telhado” e “Chuan” significa “punho”. A junção dos três elementos resulta na ideia de sublimação a partir de movimentos corporais – “caminho para a grande realização”. 

Como o Tai Chi Chuan pode ajudar cardíacos? 

O Tai Chi Chuan é comprovado cientificamente como uma prática que promove a recuperação do sistema cardiovascular, recuperação ortopédica e até neurológica. Isso ocorre devido aos efeitos amplos que a prática proporciona, estimulando não somente a circulação adequada do sangue, com os movimentos físicos, mas também restaurando a capacidade motora e cognitiva por meio do exercício de concentração. 

Já deu para perceber que o Tai Chi Chuan é, na verdade, uma espécie de fonte de juventude. Para pessoas que sofrem de doenças cardíacas, a prática consegue regularizar a pressão sanguínea, promover a perda de peso e aliviar sentimentos negativos, como raiva e frustração, fatores que podem desencadear um ataque cardíaco. 

A prática pode ajudar a reduzir dores provenientes da artrite, tratar a hipertensão, manter a densidade óssea e melhorar a saúde do coração e a qualidade de vida. 

Sendo assim, a atividade vem sendo usada, cada vez mais, para a reabilitação cardíaca de pacientes pós-infarto e pacientes com fragilidade óssea. Os benefícios aliados à prática do Tai Chi Chuan incluem a diminuição da frequência cardíaca, o aumento da resistência muscular e o equilíbrio motor. Isso ajuda a prevenir as quedas tão frequentes da terceira idade. 

Veja abaixo de que forma o Tai Chi Chuan age no organismo:

  1. As técnicas respiratórias ajudam a reduzir o estresse e a frequência cardíaca; 
  2. As formas dos movimentos exercitam a memória e aumentam a capacidade de concentração;
  3. Os movimentos lentos e circulares ajudam a alongar os músculos, reduzindo a tensão muscular e deixando as juntas mais flexíveis; 
  4. Os movimentos melhoram a circulação sanguínea, o que permite que o oxigênio fresco circule com os nutrientes, distribuindo-os por todo o corpo; 
  5. Com a técnica, a pessoa aprende a girar o corpo vagarosamente e passa a andar em uma postura mais ereta, o que proporciona maior equilíbrio e previne os riscos de quedas ou acidentes. 

O Tai Chi Chuan pode ser mais uma forma de inserir práticas Wellness no seu cotidiano. Que tal começar a aplicar esse tipo de exercício em seu dia a dia e ter mais saúde e bem-estar?

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here