Descubra como reduzir inflamações

0
186

Os processos inflamatórios são normais e acontecem a todo momento no nosso corpo. Eles podem ser benéficos, restaurando os tecidos, ou maléficos, quando se torna algo crônico. Quando as inflamações se tornam um incômodo, seu bem-estar fica comprometido, não é mesmo? Por isso, que tal descobrir como reduzir inflamações?

Explicando de maneira simples, as inflamações acontecem quando fatores externos, como vírus, parasitas, bactérias, calor e radiação ou mesmo alguns traumas, ativam o sistema imunológico por meio de alguma agressão no organismo. Essa ativação faz com que as células responsáveis pela defesa, os leucócitos, dirijam-se até o local onde os fatores externos estão. Lá eles iniciam um processo de defesa e reparação das células e tecidos e de controle de sangramentos. 

Como identificar inflamações?

O processo inflamatório, em geral, faz com que o organismo produza 5 sinais: calor vermelhidão, inchaço, dor e perda da função. Quando eles passam a incomodar, como, por exemplo, em casos de dor intensa ou incômoda, é que as pessoas procuram um médico. Isso ocorre porque nem sempre o organismo consegue controlar as inflamações sozinho. Nessas situações, é preciso realizar um tratamento com medicamentos específicos para cada caso. 

Auxiliando o organismo a reduzir e controlar inflamações

Uma maneira poderosa de reduzir as inflamações é justamente contribuindo para o seu sistema imunológico, fortalecendo-o. Assim, você contribui para que a sua função seja realizada de maneira mais rápida e eficaz.Isso é possível de maneira simples e prática, apenas mantendo alguns hábitos saudáveis, como o consumo dos seguintes elementos:

Antioxidantes

Os antioxidantes atuam contra os radicais livres causadores de inflamações. Então, uma importante dica para reduzi-las é justamente consumir alimentos ricos nesses nutrientes. É o caso de frutas cítricas, frutas vermelhas, oleaginosas, aveia, cenoura, vegetais verde escuros, linhaça, romã, canela, azeite de oliva e chá verde.

Vitaminas

A vitamina A contribui para a produção de colágeno e para a renovação celular. Ela está presente em queijos, ovos, batata doce, cenoura, mamão, abóbora, brócolis e espinafre. Por sua vez, a vitamina K, presente principalmente nos vegetais verde escuros, favorece a coagulação e o fortalecimento dos ossos. 

Já a vitamina D contribui para a o equilíbrio do sistema imunológico, para a inibição dos processos inflamatórios e para a absorção de nutrientes. Essa vitamina pode ser obtida pela exposição solar (com os devidos cuidados) e através de alguns alimentos, como a gema de ovo, cereais e laticínios enriquecidos, peixes e alguns cogumelos. 

E a vitamina E atua protegendo as células dos radicais livres e favorecendo a absorção de outros nutrientes, como a vitamina A. Você pode encontrar a vitamina E em alimentos como as oleaginosas e cereais integrais. 

Frutos do mar

Grande parte dos frutos do mar possui uma importante substância chamada Ômega 3, ácidos graxos e vitaminas A e D, que são ótimos antioxidantes. Assim, esses alimentos são ótimos aliados no combate às inflamações do organismo e para a manutenção da saúde como um todo. 

Outras dicas para reduzir inflamações

1. Reduza estresse

Situações de estresse prolongado estão relacionadas a uma maior dificuldade no controle das inflamações, favorecendo o surgimento de uma série de doenças. O estresse diminui a sensibilidade ao cortisol, ou seja, faz com que a resposta às inflamações seja menor. 

2. Tenha uma boa noite de sono

A importância de uma noite bem dormida para que o seu organismo funcione adequadamente é algo que deve ser sempre ressaltado. Dormir bem também é uma dica para reduzir inflamações. Durante o sono, é liberado um hormônio que controla a produção de células inflamatórias e, por isso, o hábito é tão importante.

3. Equilibre o açúcar no sangue

O açúcar, principalmente o refinado, pode diminuir a atividade das células de defesa e favorecer o surgimento de infecções e outros processos inflamatórios no organismo. Por isso, é preciso manter o equilíbrio e buscar sempre evitar produtos industrializados.

4. Cuide do intestino

O intestino e o sistema digestivo como um todo são fundamentais para a manutenção da saúde, afinal, o intestino é responsável por absorver os nutrientes necessários e eliminar as substâncias que não serão utilizadas. Sendo assim, cuide do seu intestino, tanto para que o seu organismo possa funcionar adequadamente quanto para controlar e evitar os processos de inflamação. 

Coloque nossas recomendações em prática para garantir uma rotina com muito mais bem-estar e menos inflamações.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here