Hábitos alimentares para viver mais

0
311

O que influencia a longevidade de uma pessoa? São diversos os fatores, mas destacamos a preocupação com o bem-estar e os cuidados com a saúde ao longo da vida. A alimentação também tem um papel importante, por isso, vamos te contar os principais hábitos alimentares que você deve ter para viver mais. 

Antes de conferir as nossas dicas, lembre que não é necessário ter um estilo de vida cheio de práticas mirabolantes para garantir uma vida mais duradoura. A simplicidade pode fazer a diferença, desde que você saiba quais medidas funcionam melhor. Vamos a elas?

1. Minimize o consumo de açúcar adicionado

Presentes em alimentos como sucos de fruta, cereais e muitos doces, os açúcares adicionados são menos indicados que os naturais (açúcares de frutas, legumes e outros vegetais). Apesar de ser difícil fugir dos adicionados, já que eles estão na maioria das comidas, é essencial se controlar para reduzir seu consumo. 

Os açúcares adicionados afetam a longevidade porque aumentam drasticamente o risco a diabetes, obesidade e outras condições, como doenças cardiovasculares. Além disso, esses alimentos prejudicam os níveis de ansiedade e não fazem tão bem para o estômago. 

2. Priorize produtos naturais

É muito tentador optar por alimentos processados, afinal, eles costumam oferecer um consumo bem prático. Porém, tente fazer um esforço para, pelo menos, diminuir a quantidade e a frequência com que você come esse tipo de produto. 

Cheios de gordura do tipo não saudável e com doses significativas de açúcar e sal, os alimentos processados podem te fazer viver menos. Isso ocorre porque geram problemas como aumento de peso, diabetes e doenças no coração, entre outras. Fast food deve ser uma opção ocasional, não algo regular em sua rotina. 

3. Coma mais alimentos naturais verdes e folhosos

Verduras e legumes, principalmente os verdes e com folhas, são muito eficazes para aumentar sua longevidade. Eles previnem doenças cardiovasculares e possuem características curativas. Além disso, esse tipo de alimento natural reduz a pressão sanguínea, limpa as artérias e te ajuda a manter um peso saudável, de acordo com as características do seu corpo. 

4. Não extrapole

A sensação de saciedade, ou seja, quando você se sente completamente satisfeito, é um sinal do seu corpo. Ele está te mostrando que não há necessidade de ingerir mais alimentos naquele momento. Refeições na medida certa, sem exageros nem passar fome, são imprescindíveis para quem deseja ter uma vida mais longa. 

Ao parar de comer só quando você se sentir estufado, aumenta o risco de ganhar peso e desenvolver obesidade, doença que leva a várias outras bastante perigosas, como infarto e AVC. Pensando nisso, procure mastigar mais lentamente, pois a mente só registra a saciedade cerca de 20 minutos após o primeiro alimento ingerido em cada refeição. 

5. Tenha uma dieta equilibrada

O ideal é manter uma dieta que inclua tanto os macronutrientes, como proteína, gordura e carboidrato, como os micronutrientes (minerais e vitaminas). Além disso, um regime equilibrado consiste em alimentos consumidos em quantidades adequadas para cada pessoa. Ter uma alimentação saudável não é só evitar a ingestão de calorias em excesso, é também evitar a desnutrição. 

Comendo de forma balanceada, sua qualidade de vida será bem maior. Assim, a possibilidade de viver por muito mais é bem maior. E não se esqueça de continuar praticando nossas outras dicas Wellness, pois a longevidade é alcançada a partir de uma combinação de elementos em nossa rotina. 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here