Medicina Ayurveda e alimentação: em busca de uma vida mais saudável e equilibrada

0
424

Quem nunca ouviu a expressão: “Você é o que você come”? Embora a frase seja muito conhecida, será que realmente entendemos o que quer dizer? Parece óbvio, mas muitas pessoas não percebem que o alimento que consomem tem impacto direto no funcionamento do seu corpo. Para entender melhor a relação entre o que ingerimos e a nossa saúde, tanto física como mental, fomos até a Índia resgatar um método milenar que tem tudo a ver com bem-estar: a medicina Ayurveda.

O que é medicina Ayurveda?

Ayurveda é uma palavra em sânscrito que quer dizer “ciência da vida”. É o sistema de saúde mais antigo que se tem notícia: sua origem remonta à Índia antiga, há mais de 5 mil anos. A filosofia da medicina Ayurveda, ou Ayurvédica, busca a harmonia entre corpo, mente e alma a partir do equilíbrio do indivíduo consigo mesmo, com a natureza e com outros seres. Essa seria achava para ser feliz.

Mas para entender melhor os conceitos da medicina Ayurveda é preciso se desprender do que se entende por medicina no Ocidente. Aqui não há remédios ou especialidades médicas, mas sim alguns métodos que levam o praticante a um estilo de vida mais saudável. Na Ayurveda acredita-se que tudo que existe no universo é composto por 5 elementos: espaço ou éter, terra, fogo, ar e água. E é a harmonia entre esses elementos que corresponde a uma vida saudável.

Esses elementos, em duplas, formam os 3 doshas (humores) existentes e todos nós nascemos com eles. São eles: Pitta – fogo e água; Vata – espaço e ar; e Kapha – água e terra. Ao longo da vida há um desequilíbrio natural entre os doshas conforme nosso estilo de vida e isso colabora para o surgimento de doenças. A medicina Ayurveda busca recuperar o equilíbrio entre corpo e mente por meio de um conjunto de práticas. Tais como terapias, massagens, meditação, purificações e alimentação.

Alimentação Ayurveda

A relação entre Ayurveda e alimentação é complexa e, ao mesmo tempo, muito simples de entender. Considere que a forma como seu organismo reage ao que você consome está diretamente relacionada ao seu dosha. Isso que dizer que alguns alimentos podem fazer bem para você e ter efeito contrário para outra pessoa. Isso ocorre porque na Ayurveda cada individuo é único. Logo, as reações também são únicas.

Alimente-se de acordo com seu dosha

Esta é a principal recomendação da medicina Ayurveda. Sua dieta está inteiramente ligada ao seu dosha. Sabe-se que algumas características físicas e de personalidade podem sugerir qual o seu dosha. Mas, para ter certeza, o diagnóstico depende da avaliação da pulsação feita por um profissional experiente na medicina Ayurveda. Veja algumas características de cada dosha:

Kapha

Pessoas com metabolismo lento, com estatura física mais larga e forte e com tendência a obesidade. São estáveis, pacientes, preguiçosas e lentas.

Pitta

São pessoas mais agitadas, com muita energia e pouca paciência. Têm propensão a ganhar massa magra com facilidade e costumam sentir muita sede.

Vata

Aqueles com metabolismo muito acelerado, ágeis e leves, que têm dificuldade em ganhar peso. Costumam ser entusiasmados e comunicativos.

É importante frisar que cada dosha tem suas necessidades específicas, considerando todas as particularidades biopsicossociais individuais para definição de uma dieta Ayurveda saudável e equilibrada. Porém, a medicina Ayurveda incentiva o consumo de todos os grupos alimentares, uns em maior ou menor escala conforme o dosha, visando o equilíbrio nutricional e de sabores.

Dessa maneira, é possível manter o corpo saudável, sem desequilíbrios e prevenindo doenças. Outra característica da dieta Ayurveda está relacionada às estações do ano e sazonalidade, sempre priorizando alimentos produzidos em sua região, com dias e horários bem definidos para se alimentar. Com base nos princípios Ayurveda, confira como cada sabor reage no nosso organismo.

  • Doce: fortalecimento de tecidos, cabelos, cicatrização, sentidos e cor da pele. Ajuda na saúde dos ossos e na produção de leite materno. É difícil digestão e se consumido em excesso pode causar diabetes, obesidade e doenças cardiovasculares.
  • Salgado: limpeza de poros, acelera a digestão e é bom para pele. Em excesso pode causar rugas, cabelos brancos, herpes, calvície e doenças de pele.
  • Amargo: fácil digestão e bons para inteligência, garganta e composição do leite materno. Em excesso pode causar perda dos tecidos.
  • Ácido ou azedo: bom para o coração, estimula a digestão e aumenta o apetite. Causam sensação refrescante e, em excesso, podem causar flacidez, tontura, coceiras, fraqueza, inchaços, herpes e sede.
  • Picante: diminui a retenção de líquidos e auxilia nas doenças de pele. Também aumenta a fome e é digestivo. Em excesso podem provocar dores musculares, tremores e até desmaios.
  • Adstringente: limpa o sangue, auxilia na cicatrização de feridas, retarda a digestão e absorve muita água. Pode causar constipação e, em excesso, flatulências e má digestão.

Benefícios da dieta Ayurdeva

Se você ainda tem dúvidas sobre os benefícios da alimentação com base na medicina Ayurveda, basta dizer que o bom funcionamento do sistema digestivo é um dos pilares da dieta. É por ele que você absorve os nutrientes que o seu corpo necessita e o intestino fica responsável de eliminar o que não é necessário. Entre os benefícios da dieta Ayurveda estão:

  • Boa digestão;
  • Melhora na concentração;
  • Mais disposição;
  • Sono tranquilo;
  • Bom humor;
  • Peles e cabelo mais macios;

Principais alimentos da dieta Ayurveda

Frutas, vegetais, cereais, grãos e sementes devem fazer parte da dieta. Legumes e toda sorte de especiarias (como curry e massala) são alguns itens principais. O gengibre é um curinga na dieta Ayurveda. Mel, iogurte e manteiga ghee são outros artigos que compõem a dieta.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here